248

Em meio ao caos mental, parei e perguntei à mim mesma: Por que aceitei todas essas voltas para chegar ao que realmente importa? É fato que não acredito no acaso, acredito que cada situação por mais boba que possa parecer é essencial para formação do verdadeiro Eu. Mas vez ou outra, minha alma se sente demasiadamente cansada para continuar e aceitar todas as curvas e pedras e tempestades pelo caminho.

2 comentários:

Karine Tavares disse...

Oi!Gostaria de convidá-lo a conhecer meu novo endereço:

www.feitaparailetrados.blogspot.com

Ainda estou arrumando a casa, mas já pode se abrigar por lá!
Tô te esperando...

José María Souza Costa disse...


Passei por aqui lendo, e, em visita ao seu blog.
Eu também tenho um, só que muito simples.
Estou lhe convidando a visitar-me, e, se possível seguirmos juntos por eles, e, com eles. Sempre gostei de escrever, expor as minhas idéias e compartilhar com as pessoas, independente da classe Social, do Credo Religioso, da Opção Sexual, ou, da Etnia.
Para mim, o que vai interessar é o nosso intercâmbio de idéias, e, de pensamentos.
Estou lá, no meu Espaço Simplório, esperando por você.
E, eu, já estou Seguindo o seu blog.
Força, Paz, Amizade e Alegria
Para você, um abraço do Brasil.
www.josemariacosta.com